O que é Ruido de Fase

Quando temos uma pure carrier (portadora pura), temos vários outros componentes que a acompanham. A portadora ideal, seria apenas o sinal da portadora limpo, mas o que temos realmente são o sinal da portadora, o patamar de ruído da fonte de geração do sinal, os harmônicos que são os sinais derivados da portadora principal, os espúrios que são os sinais que aparecem ao longo da faixa, e o ruído de fase, que são os sinais gerados da formação da portadora. Todos esses elementos são de suma importância para entender a qualidade do sinal e identificar possíveis problemas, vamos explicar todos estes elementos no blog, porém hoje vamos falar do Ruído de Fase.


Os componentes utilizados na geração de sinal não são totalmente lineares, ou seja, o sinal ideal seria uma onda senoidal perfeita, porém o que temos na realidade é diferente, isto se deve ao fato de que pequenas diferenças entre as fases dos sinais gerados a todo instante podem modular a portadora, criando sinais que podem ser transmitidos juntos com a portadora, ou seja, são as variações aleatórias de sua fase instantânea com respeito a um sinal ideal.


Uma maneira de medir o ruído de fase é:

Relação da densidade de potência do ruído ao redor da frequência central em relação a potência do sinal, esta medida é expressada em decibéis-portadora por hertz (dBc/Hz)



A imagem acima é um exemplo de uma medida de ruído de fase, como podemos ver todos estes sinais ao lado da portadora são chamados de ruído de fase.


Quando você tem um ruído de fase crítico, ou ruim, ele irá afetar diretamente a sua transmissão ou recepção de sinal. Em casos de transmissão de teste para o satélite com pure carrier e ruído de fase muito ruim, o sinal pode apresentar um aspecto de sinal modulado mesmo estando em CW, deste modo impossibilitando a transmissão. Em casos de um ruído de fase critico, o receptor IRD, tem dificuldades para entender o sinal transmitido, pois os valores de ruído são alto e se misturam ao sinal, desta forma a taxa de erro BER, começa a aumentar e o IRD pode não abrir o canal.


Quais componentes do sistema de transmissão e recepção podem apresentar ruído de fase?

Em todos os equipamentos que possuem circuitos osciladores deve ser observar se o ruído de fase atende as especificações necessárias para o sistema.

Nos sistemas de transmissão, você deve verificar o ruído de fase, no up converter, no transmissor, já na recepção de satélite o LNB, ou LNBF sãos os itens mais críticos com relação ao ruído de fase.

Todos estes componentes apresentam ruído de fase, o importante é que os valores de ruído estejam dentro do permitido.


Uma forma de identificar um possível problema de ruído de fase é se na sua recepção de satélite mantiver estável ou com pouca variação o C/N, porém o BER variar muito, este fator pode ser um indício de problema de ruído de fase no sistema de transmissão ou recepção.

82 visualizações0 comentário